Universidade Federal do Pará divulga edital do vestibular 2015

422
Universidade Federal do Pará divulga edital do vestibular 2015

Quase sete mil vagas estão disponíveis em 164 cursos de graduação.
Edital está disponível no site do Centro de Processos Seletivos da UFPA.

Universidade Federal do Pará divulga edital do vestibular 2015A Universidade Federal do Pará (UFPA) divulgou o edital do vestibular 2015 nesta sexta-feira (31). A instituição oferta 6.698 vagas, distribuídas em 164 cursos de graduação pelo Processo Seletivo (PS) e pelo Sisu. As inscrições podem ser feitas de 4 a 20 de novembro. O documento com todas as regras e informações está disponível no site do Centro de Processos Seletivos da UFPA.

Também são ofertadas 1.809 vagas, divididas nos Processos Seletivos Especiais e Processos Seletivos á Mobilidade Interna e Externa. Os novos cursos são Ciência e Tecnologia, Engenharia de Materiais e Tecnologia de Geoprocessamento, ofertados no campus de Ananindeua; Engenharia Ferroviária e Logística, ofertado em Belém; e Engenharia de Exploração e Produção de Petróleo, ofertado no Campus de Salinópolis.

No total, são 244 vagas a mais que as 8.263 ofertadas para 2014. Segundo a pró-reitora de Ensino de Graduação da UFPA (Proeg), Lúcia Harada, a universidade busca a melhoria continua dos cursos, aumento do número de opções de graduações disponíveis e de vagas. “Para 2015, temos a oferta de dois cursos inéditos na região norte: Engenharia de Exploração e Produção em Petróleo e Tecnologia de Geoprocessamento”.

O número de inscritos no PS 2015 deve ser 30% superior ao do ano passado. Na UFPA, os candidatos podem disputar vagas tanto no vestibular tradicional quanto no Sisu. As provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) equivalem a única etapa de seleção para o ingresso na instituição. A exceção são os candidatos aos cursos de Artes Visuais, Dança, Música e Teatro, os quais precisam passar por Exames de Habilidades.

Inscrição e isenção
Apenas quem se inscreveu no Enem poderá se inscrever no PS, o que não garante aos candidatos inscrição automática na federal paraense. É recomendado que os candidatos observem os dados fornecidos, especialmente o número do CPF e o de inscrição no Enem. De acordo com a legislação vigente, todos os estudantes oriundos de escola  pública ou os que cursaram todo o ensino médio em escolas privadas, na condição de bolsistas, estão isentos da taxa de inscrição.

Cotas
No ato da inscrição, os candidatos também precisam indicar se desejam participar do Sistema de Cotas. Tanto na seleção via Enem quanto na seleção via Sisu, 50% das oportunidades ofertadas são reservadas a estudantes que cursaram todo o ensino médio na rede pública de ensino (cota escola). Dentro deste grupo, cerca de 40% das vagas são destinadas para a cota escola pretos, pardos e índios.

Outros 25% das vagas destes dois tipos de cotas são reservadas a cota renda, para quem cursou o ensino médio na rede pública e afirma ter renda familiar per capita de até 1,5 salário mínimo (cota escola – renda), ou que estudou o ensino médio na rede pública; se autodeclara negro, pardo ou indígena; e afirma ter renda familiar per capita de até 1,5 salário mínimo (cota escola pretos, pardos e índios – renda). As cotas somam um total de 2.745 vagas.

Do G1 PA

RESPONDER COMENTÁRIO