Em solenidade na noite desta 2ª feira, Ronaldinho receberá cidadania honorária de BH

878

 Ronaldinho confirma presença na solenidade em que se tornará cidadão de BH

Menos de dois meses depois de chegar ao Atlético-MG, após saída conturbada do Flamengo, Ronaldinho Gaúcho vai receber, na noite desta segunda-feira, o título de cidadão honorário da capital mineira, na sede da Câmara Municipal da cidade. Feliz com a honraria, o atacante confirma presença no evento em dia de folga.

´”É uma alegria muito grande para mim. Chegar há tão pouco tempo e estar sendo tratado com tanto carinho é muito bom. Feliz e estaremos lá”, avisou o jogador, que receberá o título às 19h, na Câmara Municipal de Belo Horizonte. Ele esteve em campo no empate sem gols entre o líder Atlético-MG e o Fluminense, domingo, no Rio. Os jogadores atleticanos foram liberados, em seguida e se reapresentam na tarde de terça-feira.

Ronaldinho Gaúcho chegou ao Atlético em 4 de junho, quando fez seu primeiro treino e foi apresentado oficialmente, em seguida, como a grande contratação do time alvinegro nos últimos anos, o que causou euforia na torcida atleticana.

A proposta da honraria foi do vereador Daniel Nepomuceno (PSB), que também é vice-presidente do clube alvinegro. Segundo a assessoria do parlamentar, que tenta a reeleição, o título se dará por conta do reconhecimento a importantes personalidades que se destacam na área social, cultural, política, artística e esportiva.

Ronaldinho Gaúcho

 Patrícia Amorim e Ronaldinho Gaúcho seguram o troféu após a conquista do Estadual pelo Flamengo Marcelo de Jesus/UOL

O jogador fez 10 partidas com a camisa do Atlético-MG, marcando três gols (diante de Náutico, Figueirense e Sport). A estreia foi na vitória por 1 a 0 sobre Palmeiras, em São Paulo, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro.

O atacante atleticano chegou ao clube, depois de saída conturbada do Flamengo, viabilizada por decisão judicial. Na época, Ronaldinho Gaúcho cobrava R$ 40 milhões da equipe rubro-negra. O departamento jurídico do time carioca entrou com liminar, pedindo o retorno do jogador, mas a Justiça negou a ação.

Depois de 13 rodadas disputadas, o Atlético-MG é líder do Campeonato Brasileiro, com 32 pontos, dois a mais que o segundo colocado, Vasco. A equipe tem 82% de aproveitamento, com 10 vitórias, dois empates e apenas uma derrota.

RESPONDER COMENTÁRIO